Feedback: o alimento das relações corporativas


Os jovens sempre me trazem muitos questionamentos quando o tema é feedback: Por que meu chefe não me dá feedback? Meu gestor disse que eu preciso mudar minha postura na equipe, mas como faço isso? Posso dar feedback para o meu chefe também se eu não gostar de algo? Feedback pode ser positivo?
Não pretendo aqui dar todas as respostas, até porque o tema tem muitas vertentes e se aplica em vários contextos, mas vou tentar passar um pouco da minha opinião sobre o assunto e também algumas dicas como dar e receber feedback.
O que é feedback?
Feedback é o processo de transmitir sua percepção sobre o outro, alimentando a relação, para que esta esteja sempre em desenvolvimento. Quando falo “percepção sobre o outro” é importante deixar claro que não há uma verdade absoluta e que o objetivo é dar um apoio para o desenvolvimento pessoal e profissional de quem recebe esta percepção.
Este recurso consiste na ajuda mútua para mudanças de comportamento, não tem julgamento de valor. Ou seja, é apenas para compreender e não significa que todas as partes vão concordar.
Para que possa dar bons resultados deve ser descritivo e específico, tendo sempre foco no comportamento e não na pessoa.
Como dar feedback
É importante avaliar o momento e o local apropriado para dar feedback, pois só assim poderá ser bem recebido e ser útil para trazer um bom retorno tanto para o chefe como para a equipe.
O ideal é que seja uma conversa direcionada para comportamentos que o profissional possa modificar, então um bom caminho é iniciar sempre com os pontos fortes e depois com os pontos a desenvolver.
Outra dúvida que sempre existe é com qual frequência o feedback deve ocorrer. Na minha opinião, não existe um intervalo ideal entre um encontro e o próximo, mas recomenda-se que seja oportuno e freqüente.
É importante evitar dar feedbacks quando o chefe ou o receptor estiverem frustrados, irritados ou cansados. É bom estar atento a como o profissional está entendendo e recebendo o feedback, não se pode ficar preso somente a necessidade de transmiti-lo e deve-se manter sempre a auto-estima do receptor.
Como receber feedback
É bacana que o receptor do feedback compreenda também que é uma oportunidade de criar um ambiente de troca, reconhecendo que o processo é de análise conjunta e que é importante que ele se posicione sobre a mensagem que o chefe apresentou . Por isso, antes de pedir feedback é interessante fazer uma auto-avaliação e refletir sobre seus comportamentos!
Somente assim é possível compreender e receber melhor o feedback que iremos receber.
Aproveite para pedir exemplos e sugestões de melhoria, se necessário.
Lembre-se que feedback orienta, motiva e reforça os comportamentos eficazes assim como reduz ou evita comportamentos ineficazes. Aproveite este momento de forma positiva e foque no seu desenvolvimento profissional.
Fonte: Você s/a 

—————————————————————————————————–

Trabalhando com as melhores construtoras para melhor atendê-los!

MAIS DE 300 OPÇÕES EM IMÓVEIS PARA VOCÊ!
Maiores informações:
MOACYR PIMENTA – C12455
(62)8468-4269 OI
(62)8184-1198 TIM
Nextel: (62) 7814-4621  Rádio: *55*650*5616
Msn: moacyrpimenta@yahoo.com.br
Twitter: @moratiimoveis
Facebook: Morati Imóveis
Skype: moacyrpimenta
MORATI IMÓVEIS – Tel.: (62)3087-4787
Fale com o Corretor:

________________________________________

Mais imóveis em goiânia:

www.ImoveisAltoPadraoEmGoiania.com.br
// // //
———————————————————————————

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s